terça-feira, 29 de dezembro de 2015

O ÚLTIMO TEXTO, O ÚLTIMO MILAGRE E A ÚLTIMA ORAÇÃO DO ANO


O ÚLTIMO TEXTO, O ÚLTIMO MILAGRE E A ÚLTIMA ORAÇÃO DO ANO
(Por Airton Sousa)

Em agosto, a minha amiga Elisa Costa veio me visitar aqui na loja, trazendo vários presentinhos que minha irmã do coração, a Néia, mandou dos Estados Unidos. Foi uma tarde muito agradável, em que a conversa fluiu solta e gostosa. Falamos de tudo... até que tocamos do assunto da aposentadoria:

- Você não se aposentou ainda ?

- Não, ficaram faltando alguns documentos. Preciso entrar em contato com duas empresas nas quais trabalhei e pedir cópia das rescisões.

- Mas isso foi em janeiro e nós já estamos em agosto! E você ainda não entrou em contato com eles?

Eu não havia entrado em contato mesmo. Cheguei desanimado e deixei pra resolver isso depois e o tempo foi passando, passando... Eu só precisava ligar, ou mandar e-mail. E não fiz.

Foi aí que ela mandou o diagnóstico:
- Você está com depressão!

Questionei no mesmo minuto a minha atitude. Eu sempre me considerei bem humorado, de bem com a vida... não podia estar com esses sintomas nem aceitar esse transtorno. Comecei, então, a recordar tudo o que passei em 2015, e me lembrei de cada luta e de cada vitória; você, que esteve comigo e acompanhou meus momentos, sabe das minhas vitórias, mas houve momentos também de tristezas e incertezas...

Sei que muitos dos meus amigos passam por momentos assim; final do ano, principalmente. Como devemos proceder ao atravessar os dias difíceis, quando as forças se esgotam deixando a impressão de que não há como resistir por muito tempo?

Nesses momentos é bom saber que Deus é o arquiteto do nosso futuro e nada é demasiado grande para Aquele que sustenta e rege o Universo. A escritora Ellen White, escreveu no livro A Ciência do Bom Viver: "Não penseis em todas as dificuldades e cuidados do amanhã, ajuntando-os aos fardos de hoje." (página 481).

Em tempos de tristeza, crise existencial, depressão, com certeza você pode contar com a ajuda de Deus. Evite ficar sozinho, procure sempre um bom amigo para conversar. Cante ou toque alguma coisa. Dê graças a Deus pela vida, pelas flores, pelo sol. Busque conforto na palavra de Deus, a Bíblia, que nesses momentos age como lâmpada para os pés e luz para o caminho (Salmo 119:105).

Lembre-se de que todos nós precisamos do amor de Jesus Cristo e que todo o seu sacrifício na cruz teria valido a pena se fosse apenas para você, ou se fosse apenas eu a recebê-lo. Só em Jesus Cristo encontraremos a alegria. Ele é a fonte. Da alegria, do amor e da paz, e é a cura para todos os males.

Depois que a Elisa foi embora você sabe o que eu fiz? Nada.
No dia seguinte ela mandou mensagem, no outro também, e só depois do terceiro dia eu abri a pastinha com os documentos solicitados e mandei um e-mail para o Hospital Silvestre e outro para a AC Nielsen solicitando as tais cópias. As respostas chegaram em oito dias. Fiz o agendamento no INSS e a data marcada ficou para 29/12/2015. Ou seja, é hoje!

Não entendi por que deixei esse processo parado, por que desanimei tanto com isso, não entendo e também não compreendo por que Deus quis que esse último milagre do ano ficasse para o último dia do ano, praticamente.

E aqui estou eu novamente em frente ao Mar Vermelho. A diferença é que, desta vez, não estou ansioso; pelo menos, depois de tudo o que aconteceu neste ano, depois de tudo que Ele fez... não tenho mais o que temer. Desta vez é fé, confiança total. Esperança!

Lembre-se, meu amigo: Deus já tem a solução e já planejou tudo.

Estamos terminando o ano. Muitas vitórias, com certeza. E se você e eu não nos esquecermos do que Ele fez no passado, não teremos medo nenhum do que vem por aí.

Este é meu último texto, em 2015; volto ano que vem e, quem sabe, já aposentado, com mais tempo para escrever. Talvez eu mande algum texto lá da pracinha, quando estiver jogando damas com outros velhinhos... Talvez.

Desejo um final de ano muito tranquilo e feliz para você. Que Deus lhe abençoe.

Tenho que terminar este texto. E como foi um ano inteiro de orações, resolvi terminar usando as últimas palavras da Bíblia, que, por coincidência, também é a última oração:

"A graça do Senhor Jesus seja com todos. Amém!".



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe também, comentando!