domingo, 20 de dezembro de 2015

LEMBRA-TE DO TEU CRIADOR


LEMBRA-TE DO TEU CRIADOR
(Por Lucileide Santos)

Hoje de manhã, enquanto fazia minha meditação matinal, folheei as páginas do livro Provérbios - esse é um dos meus livros favoritos da Bíblia -, fui lendo... e quando cheguei ao verso 1 do capítulo 12, parei nele. Como é interessante o que é dito ali: “Lembra- te do teu Criador nos dias da tua mocidade, antes que venham os maus dias, e cheguem os anos dos quais dirás: Não tenho neles prazer.”.

Salomão, nesse verso, nos dá um bom conselho! Lembremos de nosso Criador na nossa juventude, enquanto estamos bem e dispostos para realizar coisas boas pelos que estão a nossa volta e assim podermos mostrar todo o amor, alegria e gratidão que provêm da convivência com Deus.

É bem interessante a relação estabelecida entre a mocidade e a oferta desses dias para Deus; não significa que ao envelhecermos não necessitaremos mais dEle. Não é isso!  É só o lembrete de que o tempo passa e com ele surgem as metamorfoses, as limitações, coisas que vêm com a idade... como está retratado no poema de Cecilia Meireles:

Retrato
Eu não tinha este rosto de hoje,
Assim calmo, assim triste, assim magro,
Nem estes olhos tão vazios,
Nem o lábio amargo.
Eu não tinha estas mãos sem força,
Tão paradas e frias e mortas;
Eu não tinha este coração
Que nem se mostra.
Eu não dei por esta mudança,
Tão simples, tão certa, tão fácil:
- Em que espelho ficou perdida
a minha face?1

Como está escrito, o tempo passa. Por que não reservarmos as melhores horas, a melhor época e as grandes forças para o nosso Deus que tanto tem nos protegido e ajudado?? Vamos caminhar com nosso Criador desde agora, e dessa forma teremos vida plena e uma velhice feliz e tranquila.

Um abraço e bom domingo!

_____________

Referências:
1-    Obra poética, Volume 4, Biblioteca luso-brasileira: Série brasileira. Companhia J. Aguilar Editora, 1958, p. 10

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe também, comentando!