domingo, 14 de maio de 2017

TODA MULHER É MÃE


TODA MULHER É MÃE
Pamela Henriques Moreira – Angra dos Reis/RJ

Dizem que toda mulher é mãe, seja da boneca, seja do irmãozinho, seja do cachorro ou do gato. Dizem que toda mulher é mãe, mesmo sem o ser.

Fui ao dicionário ver qual o significado da palavra “mãe” e a definição mais precisa, para mim, foi a seguinte: “mulher carinhosa ou protetora”.1 Dizem, por aí, toda mulher é mãe.

Eu já fui mãe, eu sou mãe, mesmo sem o ser. Não por gerar filhos, mas porque eu sou “uma pessoa que chora facilmente”1 - outra definição que encontrei no dicionário.

Definições no sentido figurado, mas que fazem todo sentido, não é mesmo? Mãe, a que cria, a que cuida, mas, sobretudo, aquela que dá amor, aquela que chora pelo seu filho, aquela que dorme mal quando o filho adoece ou demora a chegar a casa, aquela que sonha com o futuro do filho quando ele ainda nem foi gerado em seu ventre.

Mãe, a mulher mais linda aos olhos de seus pequeninos, a super-heroína que se esqueceu de colocar a capa.


“Seus filhos se levantam e a elogiam; seu marido também a elogia, dizendo:
“Muitas mulheres são exemplares, mas você a todas supera.”.
Provérbios 31:28,29

Sempre enxerguei mãe como um exemplo a seguir, alguém capaz de fazer o impossível acontecer, alguém a quem recorrer. Devo discordar... nem toda mulher é mãe; mas todas são capazes de ser, não por gerar, mas por querer.

Mãe, como um anjo protetor me cobre, como um presente de Deus me abençoa, e como mãe muito me ama e me ensina o que é amar.
A você, minha mãe, a vocês, mamães: Parabéns por serem Mães!

________________________________ 

Referência:




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe também, comentando!