quinta-feira, 5 de maio de 2016

O MAIOR DOS DONS: O AMOR!


O MAIOR DOS DONS: O AMOR!
Por Carina Baptista

Oi pessoal, tudo bem??
Como falei na semana passada, vamos iniciar uma saga para desvendar (ou apenas trocar ideias sobre) os frutos do espírito. Não será, necessariamente, na ordem apresentada no verso 22 do capítulo 5 do livro de Gálatas, mas escolhi começar pelo primeiro (rs): o amor! Todo tipo de amor: Fileo, Eros e o mais precioso de todos, o amor Ágape.

Fileo é o amor para com amigos, irmãos, parentes. Poderia ser traduzido como amizade (das boas), algo realmente forte, que cria um laço, não necessariamente sanguíneo.
Eros é o amor entre casais, é intenso e une pessoas completamente diferentes através de algo bom que uma encontrou na outra; e ele aguenta muita barra, inclusive os defeitos chatos do(a) parceiro(a).
 

O amor Ágape é divino. O sentimento que chega mais perto desse amor (mas não se compara) é o de uma mãe para com seu filho - e olha que o amor de mãe é algo imenso!
 


Todo amor é lindo! Se não é lindo não é amor. Mas o amor também sofre, por vários motivos. Por amor Deus enviou seu Filho à Terra para salvar o pecador. Nem sempre é fácil de sentir ou de explicar, mas ele está lá em algum cantinho e no momento certo toma todo o coração e explode para a pele, para o sorriso, para todo o nosso corpo, que reage com esse sentimento tão puro e tão bom.

Todos nós devemos amar - se não for por nós, pelos outros (ser altruísta). Fico triste quando vejo pessoas que dizem que não sentem amor pelos outros ou não querem nunca mais amar alguém. Por quê? Para quê? O amor é um dom. Um presente concedido por Quem É amor. Ele nos deu esse privilégio, "amar uns aos outros", e não podemos, simplesmente, ignorar nossa vocação.


Existem muitas formas de amar. Eu gostaria de dividir com vocês 10 delas:

1.   Ouvir sem interromper (Provérbios 18)
Como é bom poder contar para alguém as coisas boas e os problemas da vida. Saber que tem um ombro amigo para apenas ouvir e muitas vezes aconselhar. Isso tem se perdido cada vez mais, as pessoas não conversam e quando o fazem é por “aplicativos”, virtualmente. Ouvir sem interromper é uma prova de amor, pois você está dizendo (sem uma palavra) que você está "aí" para a pessoa e isso é muito bom.

2.   Falar sem acusar (Tiago 1:19)
Às vezes, por força do hábito, acusamos as pessoas ao nosso redor por suas escolhas e atitudes. Mas quando a gente ama (ou quer demonstrar o amor) é preciso aprender a não acusar as pessoas.

3.   Dar sem poupar (Provérbios 21:26)
O amor é “mão aberta”. E dar sem poupar, porque faz parte de sua composição o "doar" para ver o outro mais feliz.

4.   Orar sem cessar (Colossenses 1:9)
Orar é a forma mais nobre de demonstrar amor. Entregar a vida da pessoa e seus anseios nas mãos de quem sabe como resolver. Orar por quem você ama é colocá-lo nos braços de Deus como um pedido de cuidados especiais.

5.   Responder sem brigar (Provérbios 17:1)
Certas formas de falar, certos tons, podem iniciar uma guerra. Ter cuidado para responder determinadas questões sem iniciar uma discussão também é uma forma de amor.

6.   Partilhar sem fingir (Efésios 4:15)
Quando partilhamos, crescemos e ajudamos a crescer. É o principio da vida em comunidade. Se um está bem os outros também ficam. Fingimento não combina com o amor, porque ele é transparente e verdadeiro.

7.   Desfrutar sem reclamar (Filipenses 2:14)
Já reparou que tem gente que reclama mesmo quando sua vida está boa? Ao invés de aproveitar o que tem, fica sempre almejando ter aquilo que supostamente o deixaria mais feliz. Bom é fazer com o que temos um bom motivo para agradecer e ficar feliz. E quando demonstramos a importância que nossos queridos têm, estamos dizendo “Eu te amo”.

8.   Confiar sem vacilar (1 Coríntios 13:7)
Não existe amor sem confiança. Ela precisa ser dada, recebida e valorizada, porque, uma vez que você a perde, é muito difícil reconquistá-la.

9.   Perdoar sem punir (Colossenses 3:13)
Quando Deus perdoa, aprendi quando criança, Ele joga no fundo do mar e coloca uma placa de "não pesque". Ele perdoa mesmo! Perdoar não é o mesmo que "esquecer" o que foi feito e sim não atribuir culpa a quem cometeu a falta. É difícil, e por isso só quem ama é capaz de fazer.

10. Prometer sem esquecer (Provérbios 13:12)
Num mundo onde somos lembrados por agendas do Google, lembrar sem recursos é uma tarefa difícil. Mas, quando amamos, cada promessa feita fica gravada no coração de tal forma que não é possível esquecer, assim como acontece com todas as promessas que Deus fez para nós.

Tem uma música, que diz algo como "O amor é uma coisa engraçada, quando mais eu dou, mais ele volta". É exatamente isso. Para sermos amados precisamos amar como amamos a nós mesmos. Se você acha que, para amar, alguém precisa amar você, pense que Deus o amou muuuuito antes de você nascer, e que a melhor forma de retribuir é amando os Seus filhos.

Um beijo e até semana que vem!

4 comentários:

  1. Ah... o amor...
    Acho muito digno a gente não deixá-lo morrer, por pequenos gestos de indiferença, e mantê-lo vivo com outros gestinhos de carinho.
    Meus amores... ah, não sei se eu suportaria (como o poeta) que morressem todos os meus amores... Eu acho que enlouqueceria.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Enlouqueceria.. :) Amor é tudo de bom..

      Excluir

Participe também, comentando!