terça-feira, 12 de maio de 2015

FALAR COM DEUS (PARTE FINAL)



FALAR COM DEUS – PARTE FINAL
(Por Airton Sousa)

Desliguei meu celular e fui dormir; quando acordei, reparei em algumas chamadas do mesmo número. Alguém tentou falar comigo a madrugada inteira e não conseguiu. Eu não conhecia o número; então, resolvi esperar que ligassem novamente. Ligaram. Do outro lado, um amigo antigo que não via há uns dez anos precisava falar comigo urgente. Aceitei o convite para o bate-papo e, depois de uma interminável conversa, na despedida me disse: “Eu só te liguei mesmo porque tô mal e precisava desabafar. Se eu não te ligar mais é porque estou bem, mas se eu piorar volto a te ligar...”. Dias depois, tentei ligar para ver como estava o meu amigo, mas nunca mais consegui falar com ele.

Eu fico imaginando Deus, no celular, aguardando uma ligação que nunca chega. Mas na hora do sufoco queremos ser tratados como amigos íntimos. Muitas pessoas, na hora do desespero, pedem ajuda a um Deus que pouco conhecem, um Deus para quem nunca tiveram tempo, com quem nem mesmo conversam regularmente. Nunca gastaram um tempinho batendo papo com Ele.

Mesmo assim, ele atende e responde. “Deus ouve a oração de todos quantos O buscam de verdade. Ele possui o poder de que todos carecemos. Ele enche o coração de amor, alegria, paz e santidade.” 1

Ele conhece aqueles que chamam seu nome mesmo antes de eles começarem a sua prece. Ele sabe tudo que você pensa, sofre e precisa. Ele sabe dos gigantes que nos ameaçam diariamente e nos torna vencedores. Sua maior promessa é a de que nunca teremos de enfrentar sozinhos nada que a vida aprontar pra cima da gente.

Em abril, iniciei um projeto pessoal de 40 dias de oração, escrevi cinco textos sobre o tema “Falar com Deus”, e hoje estou encerrando a sequência dos posts, mas o assunto é inesgotável! Cada vez que escrevo sobre a oração mais tenho vontade de escrever. Estou orando por mim, e por você também, meu querido leitor, lembrando que “as nossas dificuldades são as oportunidades de Deus”.

O hábito de orar tem me lembrado de que nunca estou sozinho. Estou descobrindo minha importância para Deus e uma sensação de liberdade está tomando conta de mim, diariamente. E é isto o que Ele deseja pra você também. Se você quiser.

Meu filho mora em São Paulo e todas as vezes que ligo, ouço sua saudação: “Faaala, paizão!”. Aí imagino o telefone de Deus tocando, e Ele pensando: “É meu amigão... Vou já ver o que ele precisa... Faaala, Amigão!!!”.

“Orar a Deus, que privilégio! Falar com Deus me satisfaz.”

Bom dia!

_____________________________________
Referência:
1)    Testemunhos para a Igreja, V.9, p.169

2 comentários:

  1. "Sua maior promessa é a de que nunca teremos de enfrentar sozinhos nada que a vida aprontar pra cima da gente."
    Essa sensação de segurança é tudo! Não importa o tamanho do problema que estamos encarando. Deus é muito maior do que ele. Fico muito feliz de ter tido meu nome na sua lista desse projeto de oração. E estou certa de que tudo o que me aconteceu nestes últimos dias tem as suas mãozinhas postas, intercedendo por mim, Amigão, e o dedo de Deus.
    Obrigada!
    E bons dias!!!

    ResponderExcluir
  2. Denize, pode ter certeza que nunca enfrentaremos sozinhos estes problemas que a vida joga pra gente resolver. Deus está conosco.
    Seu nome está na nossa lista de orações. Boa noite!

    ResponderExcluir

Participe também, comentando!