domingo, 8 de novembro de 2015

CAMINHAR, CONTINUAR E CAMINHAR MAIS UM POUCO



CAMINHAR, CONTINUAR E CAMINHAR MAIS UM POUCO
(Por Lucileide Santos)

Dias desses li um texto de Fabrício Carpinejar, e um trecho em especial me chamou bastante atenção. O título do texto era ”Profecia do Fracasso”1; daí, já achei instigante – afinal, quem quer dialogar com fracasso, mesmo que seja por texto?! Eu não gostaria, mas mesmo assim resolvi ler, até porque o texto vinha acompanhado de uma releitura interessantíssima do pintor Giorgio de Chirico, daquela espetacular escultura “O pensador”, do escultor francês Auguste Rodin.

Bem, direi logo o que tanto me chamou atenção, e acredito que vocês também acharão genial ou, no mínimo, pensarão: “Caramba, como nunca pensei desse jeito?”.

O trecho dizia assim:Felicidade não é racional. Felicidade é continuar acreditando mesmo depois de ter sido infeliz uma vez.”.

Achei interessante a perspectiva, mas preciso dizer a vocês que não entendo o que foi dito acima como “insistir no erro” e, sim, “ser resiliente” - habilidade bastante útil em tempos atuais. Não está por dentro do que possa ser resiliência?! Tudo bem, sem problemas! Vamos dar uma espiada:

resiliência
substantivo feminino
1.
Fís. propriedade que alguns corpos apresentam de retornar à forma original após terem sido submetidos a uma deformação elástica.
2.
fig. capacidade de se recobrar facilmente ou se adaptar à má sorte ou às mudanças.


Gosto da maneira como Carpinejar definiu Felicidade, porque não tem nenhuma relação com “ter” e, sim, com o “ser”; também não passa aquela falsa ideia de que precisamos sorrir o tempo todo.

Felicidade é a capacidade de continuar. Simples assim! =)

Continuar apesar das dificuldades é uma escolha que temos que fazer todos os dias! Há outra escolha que também podemos fazer e que facilita, infinitamente, a primeira!

Sabem Davi?! Aquele que lutou contra o gigante Golias?! Então, ele é para mim um grande exemplo de resiliência; desde cedo Davi entendeu que o importante da vida era continuar, mas as coisas só começaram a dar certo, mesmo, quando ele escolheu não continuar mais sozinho! Prestem atenção neste verso de Salmos 40:

Esperei com paciência no SENHOR, e ele se inclinou para mim, e ouviu o meu clamor.
Tirou-me dum lago horrível, dum charco de lodo, pôs os meus pés sobre uma rocha, firmou os meus passos.
E pôs um novo cântico na minha boca, um hino ao nosso Deus; muitos o verão, e temerão, e confiarão no Senhor. (...) Muitas são, Senhor meu Deus, as maravilhas que tens operado para conosco, e os teus pensamentos não se podem contar diante de ti; se eu os quisera anunciar, e deles falar, são mais do que se podem contar.
Salmos 40:1-3,5.

Viu só?! Diante de tantas referências e mundos de opiniões, tudo o que precisamos está contido em uma só pessoa, em um só auxílio. É ele que vai lhe curar de toda a tristeza e ajudar você a continuar caminhando, é Ele que será seu perto seguro, seu amigo.
Meu desejo é que façamos como Davi e escolhamos não tentar sozinhos!
Um domingo feliz e na presença do Senhor! =)

_____________

Referência:
1.     Carpinejar, Fabrício Profecia do Fracasso – disponível em http://carpinejar.blogspot.com.br/2015/10/profecia-do-fracasso.html - acessado em 16.10.2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe também, comentando!