domingo, 10 de julho de 2016

SONO

SONO
Por Pamela Henriques Moreira

Cheguei a minha casa e o procurei pelos cômodos. Lembrei-me rapidamente de que ele não estava mais entre nós havia três anos; nosso cachorro já estava bem velhinho quando morreu. Às vezes, dá um "branco" e parece que serei recebida em casa com aquela festa que era tão comum.

Há 15 anos perdi meu pai. Já perdi avô, avó, tios, primo... Você pode nunca ter sentido a dor de perder alguém, mas penso que deve imaginar.


A morte não deveria existir, a maioria concorda. E estão certos; não deveria mesmo!

Respondeu a mulher à serpente: “Podemos comer do fruto das árvores do jardim, mas Deus disse: ‘Não comam do fruto da árvore que está no meio do jardim, nem toquem nele; do contrário vocês morrerão’.” Disse a serpente à mulher: “Certamente não morrerão!" Gênesis 3:2-4

No Éden, foi dado ao homem acesso à árvore da vida da qual vinha o fruto que prolongava seus dias. Mas ele também foi colocado à prova e, infelizmente, a morte foi a escolha. Deus em sua infinita bondade nos concedeu a vida eterna e, embora esta não tenha sido aproveitada, Deus é tão bom, tão bom, que nos dá mais uma chance.

Disse-me ainda: “Está feito. Eu sou o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim. A quem tiver sede, darei de beber gratuitamente da fonte da água da vida. O vencedor herdará tudo isto, e eu serei seu Deus, e ele será meu filho.". 
Apocalipse 21:6-7

A Bíblia declara a morte como um sono, do qual os que dormem acordarão quando Jesus voltar pela segunda vez.


Irmãos, não queremos que vocês sejam ignorantes quanto aos que dormem, para que não se entristeçam como os outros que não têm esperança. Se cremos que Jesus morreu e ressurgiu, cremos também que Deus trará, mediante Jesus e com ele, aqueles que nele dormiram. 
I Tessalonicenses 4:13-14

Aqueles que dormem nada sabem, se tornam pó. Não há céu, nem inferno para eles. Quando Jesus voltar, ressuscitará os mortos e fará Sua justiça. Nossa escolha para onde iremos é agora. Decidimos hoje, pois depois que "dormirmos" nada poderá ser mudado.

Pois os vivos sabem que morrerão, mas os mortos nada sabem; para eles não haverá mais recompensa, e já não se tem lembrança deles. 
Eclesiastes 9:5

Nada apaga o efeito que a morte traz na vida de quem fica. Continua a doer, dá saudade... mas podemos ter esperança.

E esta é a vontade daquele que me enviou: que eu não perca nenhum dos que ele me deu, mas os ressuscite no último dia. João 6:39



2 comentários:

Participe também, comentando!