domingo, 18 de junho de 2017

TRABALHO DO CORAÇÃO


TRABALHO DO CORAÇÃO
Pamela Henriques Moreira – Angra dos Reis/RJ

Você já parou para analisar este Blog? Sabe quem somos, o que fazemos da nossa vida, além de escrever de coração para este que é o Blog mais maneiro de todos os tempos? Se não nos conhece, clique AQUI.

Deve ter reparado que dentre essas várias profissões tivemos aqui, em tempos diferentes, dois Químicos. Eu e o Dudu. Ele participou do Blog em 2015 e, assim como eu, escrevia uma coluna para os dias de domingo.



Talvez você não saiba, mas hoje é comemorado o Dia do Químico, aqui no Brasil. Tenho um montão de amigos que escolheram essa profissão - os loucos, alguns diriam. Parabéns para nós, então.

Algumas vezes tive dúvidas sobre em que área atuar; pensei muitas vezes em Humanas, mas segui para as Exatas (embora ainda ache que Humanas seria uma boa opção para mim). Você já teve dúvidas sobre o que fazer, o que seguir, com o que trabalhar?

Existe uma “profissão” que integra todas as áreas. Algo que podemos fazer independentemente daquela que escolhemos para atuar; algo que nasce no coração daquele que não quer o melhor só para si – o trabalho missionário.

“Sempre haverá pobres e necessitados no meio do povo, e por isso eu ordeno que vocês sejam generosos com todos eles.” Deuteronômio 15:11

O mesmo Deus que nos ama e diz para nos amarmos, diz que sempre haverá uma pessoa dependente de nós, um necessitado que precisará da minha e da sua ajuda. O pobre de recursos, de alimentos, de esperança.

De todos os trabalhos que eu poderia escolher, o mais gratificante é trabalhar para o meu próximo. Pode até ser o mais cansativo, mas é o que mais me satisfaz.

O trabalho missionário não trata só de falar as palavras de Deus, mas também de tentar reduzir as dores e sofrimentos do nosso próximo. Cada um encontra uma forma: seja doando alimentos, roupas, ensinando a ler... dando carinho, atenção, palavras de esperança e salvação. “Sempre haverá pobres e necessitados”!

“Porque tive fome, e destes-me de comer; tive sede, e destes-me de beber; era estrangeiro, e hospedastes-me; estava nu, e vestistes-me; adoeci, e visitastes-me; estive na prisão, e fostes ver-me.” Mateus 25:35-36

Que façamos de coração aquilo que é nosso dever. Que amemos o nosso próximo, assim como Deus nos ama. O mundo precisa de nós!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe também, comentando!