quinta-feira, 9 de março de 2017

NÃO FIQUE PARADO

NÃO FIQUE PARADO
Carina Baptista – Texas/USA

Oi pessoal, tudo bem com vocês?

"Eu preciso voltar a me exercitar". Repeti várias vezes essa frase antes de conseguir me levantar da cama. Desde que cheguei aqui, há cinco meses, não tenho seguido uma rotina diária de exercícios e isso é péssimo para o corpo. Não sou especialista no assunto, por isso, para uma opinião precisa sobre o seu caso e para ter uma série perfeita para alcançar seus objetivos, procure um profissional; mas eu posso falar de algo que tem me ajudado muito a ter ânimo para sair de casa e movimentar o corpo.


Baixei o app “Nike Run”. Ele traz pequenos treinos de corrida. Você pode escolher o nível e seguir o cronograma de acordo com o seu objetivo. Eu, por exemplo, só queria começar a mudar minha vida sedentária cultivada à base de Netflix, e com o aplicativo, além de me mexer, eu consigo ver o tanto que progredi, já que é possível ver a distância e o tempo que percorri a cada treino. Isso dá um gás!

Como em toda atividade física, por mais simples que seja, o acompanhamento de um médico atestando que você está apto, de um nutricionista para auxiliar na melhor dieta, e de um profissional de educação física, são importantes. Mas se você, assim como eu, não tem a possibilidade de pagar por tudo isso, minha dica é: faça escolhas mais inteligentes na hora de preparar suas refeições, tente evitar tudo que é processado demais (açúcar, farinha branca, biscoitos recheados), beba mais água, coma mais frutas e legumes, sorria mais e reserve tempo para meditar (ler Salmos ajuda, se você não tem um livro e um programa de meditação). Eu sei que é difícil, mas tudo é um processo, e precisamos começar em algum momento, se queremos ver mudança.

O aplicativo que mencionei pode ser baixado tanto para Android quanto iOS (deve ter para Windows Phone também). E você pode encontrar também aplicativos que ajudam a lembrar de beber água, outros com textos inspiradores, e outros mais com guias de refeições práticas e saudáveis. 

Tudo isso com a facilidade dos smartphones. 

Mas não adianta só lotar a memória do seu celular com aplicativos; você precisa firmar um compromisso com você mesmo e tirar força de todos os lugares para cumpri-lo. 

Fazer jejum de vez em quando também é bom para limpar o corpo e dar uma aliviada no constante trabalho do seu organismo (ele vai continuar trabalhando, óbvio, mas de forma menos desesperada).

Ainda sobre a corrida, encontrei no site “Seven List” os sete motivos para começar a correr. 
Eles estão nessa imagem aí ao lado. 

Clique na imagem para ampliar, leia e depois responda honestamente: você precisa de mais algum motivo?

Espero ter despertado em você pelo menos uma pitada de vontade de fazer alguma coisa. 

Já será um começo! 


Um beijo e até semana que vem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe também, comentando!