sábado, 18 de junho de 2016

REMANESCENTE

REMANESCENTE
Por Jackson Valoni

Sou um sobrevivente. Morei na cidade do Rio de Janeiro a maior parte da minha vida e nunca fui assaltado, ou coisa do tipo. Já fui à Palestina e nada de grave me aconteceu. Saltei de paraquedas e asa delta, tudo como o esperado. Bebi manga com leite e não morri.

Quando as pessoas superam expectativas, vão além. Somos, naturalmente, competitivos. Gostamos de vencer, mesmo que seja apenas no jogo da velha.

"O que vocês fizerem façam de todo o coração, como se estivessem servindo o Senhor e não as pessoas." Colossenses 3:23

Um dos grandes desafios que enfrento, diariamente, é servir ao Senhor conforme Ele deseja. Ser "certinho" é difícil. Ter alimentação saudável é comparado à frescura; convicções são vistas como intolerância; fidelidade no matrimônio é relativizada; Deus é lapidado.

Vivemos em um mundo em que o divino e o profano se misturam. Com o objetivo de atrair novos fiéis para Deus, cria-se um vergonhoso cenário para ajustar Deus às vontades do recente adorador. Novas igrejas surgem com pouco conhecimento sobre o Evangelho e com pouca diferenciação entre o Céu e a Terra.

“A ignorância que existe da Palavra de Deus, entre um povo que se professa cristão, é assustadora. Conversas superficiais, mero sentimentalismo, passam por instrução moral e religiosa. A justiça e a misericórdia de Deus, a beleza da santidade e a recompensa certa da conduta correta, o hediondo caráter do pecado e a certeza de seus terríveis resultados, não são gravados na mente dos jovens.”


"Pois vai chegar o tempo em que as pessoas não vão dar atenção ao verdadeiro ensinamento, mas seguirão os seus próprios desejos. E arranjarão para si mesmas uma porção de mestres, que vão dizer a elas o que elas querem ouvir." II Timóteo 4:3

Que Deus nos abençoe, e que sejamos sobreviventes em Sua Palavra, para que possamos anunciar a mensagem da Salvação como o mundo precisa conhecer. Deus está conosco para nos ajudar a enfrentar todas as dificuldades (Jeremias 1:19).




___________________

Referência:
WHITE, G. Ellen. Patriarcas e Profetas, p. 377, 2º Edição, 1996. Casa Publicadora Brasileira. Tatuí, SP


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe também, comentando!